sexta-feira, junho 20

Tag 5 Coisas #2

A pouco menos de um mês eu estreei por aqui uma tag que eu amo quando vejo em outros blogs, a 5 coisas. Expliquei brevemente que tal tag se trata de, basicamente, falar de maneira rápida e objetiva sobre 5 assuntos aleatórios que não saem da nossa cabeça. Podem ser tendências, livros, filmes, a cor de esmalte que eu não vejo a hora de garantir ou o novo modelo de jeans que todo mundo usa mas eu secretamente odeio (não tão secretamente então haha). Amei faze-la e sendo assim era previsível que eu não ia me demorar para escrever um segundo post para essa tag.

1 - California: Tem horas que parece que, de uma maneira ou de outra, o universo quer te levar a algum lugar. Eu, por exemplo, estou crente de que tenho que ir para a Califórnia ano que vem pois, além de já estar nos planos da família, eu cheguei à conclusão de que não tem lugar mais "a minha cara" no mundo. Meu gosto pra moda, pra música, pra entretenimento e até pra comida bate perfeitamente com esse lugar, gosto esse que só tem ficado mais forte de uns tempos pra cá. Lana Del Rey, The Neighbourhood, Aer (ok, eles são de Boston, mas o estilo é completamente Cali), os beanies, os shortinhos destruídos, as jaquetas de couro, as tatuagens... Vou ter uma combustão espontânea só de pensar! É como diz Jesse Rutherford (aka The Nbhd): Im so West Coast, its a goddamn shame.
2 - Batom Burgundy: Apesar de eu acreditar que já foram criadas todas as cores possíveis de todos os tipos existentes de maquiagem, a cada temporada a industria dos cosméticos faz mágica e tira da cartola um tom novo de batom que faz todas as beauty freaks pirarem. Nem precisa falar que atualmente os burgundys, os vinhos, os roxos escuros e os vermelhos profundos são o alvo. E a cobertura (porque não pode esquecer que tem isso também)? Um matte mais tranquilinho, mais "confortável". Eu de cara apaixonei por essa tendência e comprei um vinho pra chamar de meu em Janeiro. Não foi muito tempo até eu perder o dito cujo, e agora aqui estou eu novamente na busca por um tom ainda mais certeiro. Ouvi apenas coisas incríveis do Diva da Mac, do Instigator e dos potinhos desenvolvidos pela marca para a coleção assinada pela Lorde. Quando tiver a chance vou tirar isso a limpo e repor essa perda.
3 - Lolita, de Vladimir Nabokov: Ler é uma das minhas grandes obsessões. Hoje estou mais tranquilinha, mas alguns meses atrás eu era insaciável; lia 4, 5 livros por mês. Um que me marcou foi Lolita (lembrei dele recentemente quando me afundei na minha playlist da Lana Del Rey e fui reparar que 90% dos seus hits são inspirados nesse romance). Não que eu seja lá muito fã de literatura russa (particularmente acho muito pesado e "enrolativo"), mas Nabokov, apesar de embromar e embromar por incontaveis páginas, fez desse livro uma coisa linda. Linda mesmo, no sentido mais pleno da palavra; Lolita é um livro lindo. Todo mundo já deve ser familiarizado com a história, mesmo sem ter lido o clássico: uma menina, Dolores, de 12 anos, linda de tudo e muito safadinha, seduz (voluntaria ou involuntariamente, isso fica ambíguo) o seu padrasto de meia idade. Não vou me estender muito além porque, sinceramente, não tem muita história além disso mesmo. Mas apesar de ser um livro relativamente parado e um pouco cansativo, é uma das melhores e, repito, mais lindas histórias que já li.
4 - Tatuagens: Não sei se é porque agora só me falta um aninho pra dezoito, mas de algumas semanas pra cá eu tenho pensado muito, muito, muito, muito em tatuagens (chega a não ser muito saudável o tanto de tempo que eu passei mentalizando sobre o assunto haha). Minha vontade mesmo era fazer uma agora, e se meus pais não fossem tão antiquados em relação ao tópico eu faria uma nesse minuto. A vontade é tanta que eu pensei seriamente em fazer uma escondida! Hahaha Já desisti dessa ideia (#relaxamãe), maaaas nada me impede de ir pesquisando inspirações de tatuagens bacanas pra quando eu completar a maior idade!
5 - Alma BB (ou melhor, meu presente de aniversário haha): E por falar em aniversário, porque não comentar um pouco sobre o presente dos dezessete antes de me apressar aos dezoito? Sobre isso, só tenho a dizer que meus pais arrasaram (eles podem ser old fashion quando o assunto é pintura permanente, mas quando se trata de presentear a filhinha aqui eles sabem muito bem como agradar hahaha). Sou apaixonada por bolsas, de coração, e um modelo que eu sempre quis foi a mini Alma da LV. Também amo o modelo padrão, mas acho a versão menorzinha da bag muito mais apropriada para a minha idade, e nesse tom de laranja então? Não podia amar mais! Não estreei ela ainda mas tenho pensado muuuito nas combinações que irei fazer com a minha Alma bebê! Já tenho algumas ideias em mente, e vocês? Sugestões?
Ahh, como eu amo essa tag! São apenas 5 coisas, mas sempre que começo a desenterrar os assuntos que estão ancorados na minha cabeça eu esbarro em milhares! Selecionar apenas cinco é uma árdua tarefa de ponderação e edição haha. Acho que é por isso que eu quero estar sempre atualizando essa tag, não quero deixar nada de fora! Haha E vocês? O que não tem saído da cabeça de vocês nos últimos tempos?

2 comentários:

Esse espaço aqui é de vocês meninas! Comentei, perguntem, conversem, tricotem... pode fazer de tudo menos falar mal da blogueira hahaha :)
Beijos!