sexta-feira, agosto 22

CFW: Backstage Marcela Botelho e um inside sobre a beauté do evento

Todo mundo sabe que, por trás de um desfile incrível e mega organizado, existe um backstage caótico e estressante onde a lei de Murphy reina e tudo parece que vai dar errado até a hora H. No CFW não é diferente. Estive dentro desse confuso mundo "do fundão" em vários momentos, mas a preparação para os desfiles dos vencedores do concurso de Novos Talentos foi a qual eu mais me estendi por lá. Tirei várias fotos, evidentemente, além de ter pegado infos com alguns dos maiores protagonistas desse fuzuê.


As fotos acima são todas do desfile da estreante Marcela Botelho, que buscou no cerrado brasileiro a inspiração para uma coleção focada principalmente para adolescentes de quinze a dezoito.
Apesar de meio babada nas internacionais Dolce&Gabbana e Valentino, além da queridinha tupiniquim Pat Bo, achei o corte e a costura de Marcela hors concours e a atenção para os detalhes realmente admirável. 
Outro grande ponto de atenção em seu desfile foram os cabelos, que me trouxeram de volta para o discurso de abertura do primeiro dia de Capital, onde foi ressaltado o trabalho do Senac na beleza do evento. As makes desfiladas deixaram a desejar, admito, mas os cabelos... Uma coisa de outro mundo. Nunca tinha visto penteados tão trabalhados fazendo o catwalk do Capital antes, logo, era de se esperar que eu fosse atrás de Marcia, diretora de beleza responsável por essas obras de arte, para entender um pouco mais do processo de criação que rola no backstage. 
Marcia contou que conta com uma equipe enorme, cheia de técnicos e supervisores preparados para garantir que todos os cabelos saíssem nada menos que perfeitos. Fiquei surpresa quando ela me contou que as tranças mega trabalhadas das fotos demoravam apenas cinco minutos para ficarem prontas, e quando perguntei sobre a dificuldade da mulher brasileira de ser auto-suficiente quanto ao seu cabelo, Marcia respondeu que nós brasileiras somos mulheres extremamente ocupadas, com pouco tempo para realmente se dedicar ao aprendizado, e por isso nos acomodamos aos salões de beleza. "No Senac nós ministramos cursos de auto-maquiagem e, com essa ideia sua, podemos pensar em fazer também cursos de auto-penteado!", disse a hair-stylist que também bota a mão na massa (mega animei! Haha).
Por fim, perguntei a ela qual combo de cabelo + maquiagem a prova de erros que é sempre sucesso, "Um preso chic, com gel e um olho nude que é tendência agora!". Arrasou né?


Cobrir o backstage é uma das minhas partes favoritas de ser blogueira no CFW. Poder estar perto das modelos, conferir os detalhes de pertinho, observar fio por fio de cada trançado de tecido... Na passarela, a roupa ta distante, a roupa passa rápido, a roupa ta morta ali na sua frente. Já na "porta dos fundos", parece que o desfile ganha vida e cada ponto-cruz mostra todo o trabalho que realmente está envolvido por trás daqueles poucos minutos de desfile.

2 comentários:

  1. Teddy voce vai na inauguração da Amanda Brasil?? que tipo de look seria certo pra esse tipo de evento?? me da uma ajudinha!? Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fui convidada mas estou viajando e infelizmente não vou poder comparecer, queria muito!
      Olha, acho que como essa inauguração vai ser grande pode abusar um pouquinho! Investir em peças da marca é sempre um prestígio bacana, e uma make e cabelo caprichados elevam o nível da produção.
      Espero ter ajudado!
      Beijos!!

      Excluir

Esse espaço aqui é de vocês meninas! Comentei, perguntem, conversem, tricotem... pode fazer de tudo menos falar mal da blogueira hahaha :)
Beijos!