terça-feira, outubro 28

Leitura de estilo

Há alguns dias comentei aqui sobre meus livros favoritos. Uma tarefa difícil e, de certa forma, efêmera para mim, que estou sempre com uma publicação nova na mão (atualmente estou lendo O Cortiço, por Aluísio de Azevedo, estou amando!). Já pretendo fazer uma nova edição desse post, e enquanto escalo os exemplares que mais tenho gostado ultimamente (estou pensando até em fazer rezenhas mais frequentes, quem sabe mensais!), deixo aqui para vocês mais um amado #repost da era antiga do blog; meus livros de moda favoritos. Engraçado que mesmo tendo garantido mais exemplares que circulam esse assunto desde então, esses continuam sendo os meus favoritos!

Alem de inúmeros exemplares de revistas Vogue, Elle e Maria Claire, a minha escrivaninha tambem abriga alguns preciosos livros de moda. Livros que são a melhor fonte de inspiração para dias onde "não temos nada no armario", que nos ensinam mais sobre a história da moda e que nos mostram pontos de vista e perspectivas diferentes das que conhecemos. Enfim, um livro que nos completa e de certa forma aperfeiçoa o nosso estilo pessoal.
Fotografei alguns dos livros que mais gosto para indica-los aqui. A maioria da pra comprar online e alguns (traduzidos para o português) são até faceis de achar em livrarias pelo país. Vamos nos perder em um bom livro?

  1. O Pequeno Dicionário de Moda de Christian Dior: Todas as dicas e regras de um dos imperadores da moda estão nesse livrinho que, de tão pequeno e prático, pode até ser levado na bolsa para consultas de ultima hora ou apenas mais uma maneira de passar o tempo. Nele podemos ver tudo o que o estilista acreditou enquanto estava vivo, e o que ainda podemos perceber pelas criações de sua marca. Tem pequenas dicas sobre tudo, ainda não li todas mas as que li me ajudaram muito em dias sem inspiração ou dúvidas de moda.
  2. O Segredo do Chanel No. 5, por Tilar J. Mazzeo: Acho que a história do perfume mais famoso do mundo é, no mínimo, fascinante. Como o Chanel No. 5 se tornou tão iconico? Como ele foi direto para a prateleira de perfumes de ninguem mais ninguem menos que Marilin Monroe (que - pausa dramática - dizia que deixava os homens loucos! hahaha)? Como ele em sí virou um simbolo de elegancia e classe.
  3. Os 50 Sapatos que Mudaram o Mundo, por Design Museum: As shoe freeks de plantão vão pira com esse livro. São 100 paginas, 50 sapatos e inúmeras histórias que modificaram o jeito de calçar. Na lista, modelos que já amamos, os Stilletos (famoso salto agulha), os bicolores e os cinematrograficos sapatinhos de rubi de O Mágico de Ozz. Alem de claro, muito Ferragamo, Jimmy Choo e Vivier. 
  4. What People Wore When por Melissa Leventon: Esse é  o mais legal pra quem estuda moda, mas quem apenas quer aprender um pouco mais sobre a história da moda pelos anos também vai adorar esse livro (que está mais para uma enciclipédia da moda). Nele tem todos os detalhes dos modelitos que marcaram cada época da humanidade. Tudo começa com as antigas civilizações egipcias e gregas e vai até as cortes reais de 1800, especificando cada detalhe possivel. 
Não consigo me ver sem esses salva-vidas, pois tanto em momentos de poucas inspirações e dúvidas modisticas são eles que estão lá, na minha escrivaninha prontos para serem lidos, relidos e lidos mais uma vez :)

Confesso que de todos esses, o que mais consulto é o Pequeno Dicionário. Cada dia aprendo uma coisa nova com ele, mesmo já tendo lido-o de "cabo a rabo" como diria minha avó. Livros bons são assim mesmo, mesmo sabendo seus capítulos de cor, uma palavra, uma frase e toda uma ideia podem ter um sentido diferente (e, nesse caso, proporcionar uma inspiração diferente) dependendo do nosso estado de espírito!


2 comentários:

Esse espaço aqui é de vocês meninas! Comentei, perguntem, conversem, tricotem... pode fazer de tudo menos falar mal da blogueira hahaha :)
Beijos!