quinta-feira, janeiro 22

As que + me inspiram

Por mais bem resolvido que seja seu estilo pessoal, mulheres nunca deixarão de ter ícones de estilo nos quais elas se inspiram. Eu mesma, que sou extremamente visual, me inspiro muito em imagens que vou salvando em pastinhas nos meus gadgets eletrônicos, criando assim vários "mood boards" aos quais recorro quando estou sem minhas ideias fashion muito fresquinhas na cabeça. E além dessas pastas com fotos sortidas, é claro que eu também tenho meu grupinho de celebridades e it-girls favoritas!
Selena Gomez: Amo que ela veste e tudo mas sempre tem a mesma carinha boho! Muitas croppeds com jeans de cintura alta, kimonos, chapéus e aquele cabelão incrível com batom vermelho. E mesmo quando não está batendo perna por Los Angeles com um copão de Starbucks na mão, Selena consegue manter essa leveza e modernidade em seus looks, sendo eles super elaborados ou apenas jeans e camiseta (que, sejamos sinceras, deixa um pouquiiiinho de raiva em nós meras mortais hahaha)
Lala Rudge: Nunca entendi muito bem o estardalhaço que faziam em volta dos looks da Lala. Sempre achei tudo muto "de botique" sabe? Como se fosse o provador de um manequim. Entretanto, depois de um tempo, comecei a admirar algumas de suas escolhas justamente por serem sempre tão chics, tão limpas e tão bem acabadas. Como poucas pessoas, ela se preocupa com o todo, desde a lasquinha de esmalte no dedo do pé até o último fio de cabelo do rabo-de-cavalo. O agridoce entretanto fica no alto decoro de suas peças; acho lindo, muito elegante, mas de vez em quando gostaria de vê-la em alo mais jovial. Mesmo assim, seu bom gosto e feminilidade são uma super inspiração para meus dias mais "clássica".

Jessica Stein: Outra blogueira que leva elegância à potência é a australiana Jessica Stein a.k.a. Tuula Vintage. No estilo dela, o que eu gosto é a autênticidade. Ela sempre tem aquela peça especial, aquela roupa que parece capa de revista, aquela blusa que você nunca viu em lugar nenhum, aquele vestido que é coisa de cinema. Todas as suas produções são imprevisíveis e especiais. Te desafio e entrar no blog dela e não desejar no mííínimo todas as suas roupas, hahaha. 
Kylie Jenner: Eita que a blogosfera não deixa essa menina em paz! Hahaha Mas sério, das Kardashians, a Kylie virou minha favorita por seu estilo "grunge de Beverly Hills", e tem maneira melhor de descrever? Jeans detonados com camisetinhas croppeds e camisas de flanela oversized + botas da Chanel e bolsas Givenchy. Amo demais essa mistura! Haha E a bicha não lacra apenas nas roupas, ela lança tendência de maquiagem (os maquiadores da MAC já estão doentes de tanto vender batom Soar hahaha), arrasa nas unhas, tem uma linha de extensões capilares incríveis e reina nas selfies! Role model ou nem? Hahaha 
Shea Marie: Mais uma pro time das bloggers loiras! Diferente das duas anteriores, a Shea tem um estilo super praiano. E nem tinha como não ser, californiana que só ela! Moderna com aquele eterno toque Beverly Hills nos looks, a Shea tem um estilo simples, contemporâneo, eclético e vezes be surfista. Adoro suas produções de moda praia e o cabelo total Cher Horowitz. Ela é a mistura perfeita de West X East Coast!

Essas são as minhas escolhidas! Do boho ao clássico, do feminino ao boyish, do moderno ao tradicional, essas garotas incorporam e inspiram todas as facetas da minha personalidade fashion. O saudável é justamente usa-las como fontes de ideias, não como moldes a se copiar. Porque apesar de cada uma ter sua identidade de moda única e maravilhosa, nenhum estilo ficará melhor em você do que o seu próprio. 

terça-feira, janeiro 20

Playlist #9

Ahh, que saudade que eu senti de compor as minhas playlists! Repetir a dissertação que sempre faço sobre meu amor por música eu não vou (apesar de ser um ano novo e eu possuir o total direito de me repetir pela nona vez nesse quesito), logo, digo apenas que fiz essa coletânea de músicas inspirada tanto no verão quanto nas minhas novas e amadas descobertas. Tem um pouco de tudo (como de praxe), para momentos calmos e badalados, pra quem ta curtindo a praia e pra quem já tem que voltar pros livros por agora, pra quem quer acelerar o ritmo e pra quem quer dar uma acalmada. É, tem de tudo mesmo.


Drugs You Should Try - Travis Scott
Lucy - Olivver The Kid
Often - The Weeknd
Somebody To Love - Leighton Meester ft. Robin Thicle
Runaway - Ed Sheeran
Dancing In My Head - Avicii
The King And All Of His Men - Wolf Gang
Swoon - Timeflies
Outside - Calvin Harris ft. Ellie Golding
Prayer in C - Robin Schulz ft. Lilly Wood

Além dos diferentes estilos que super se mesclam, tem uma enorme variedade cronológica e temporal nessa conjunto também; músicas antigas que descobri recentemente, músicas que estão na ponta de estourar, hits que não param de tocar nas baladas e outros que eu escutava até enjoar algum tempo atrás, mas por um motivo ou outro ainda não tinha compartilhado por aqui. Bom, ta linda, ta divertida e ta diversa como uma boa playlist deve ser, então se joga!

segunda-feira, janeiro 19

Bom dia, 2015!

Semana passada, durante um daqueles momentos morgados que reservam os dias após o Réveillon, eu, minha mãe e minhas tias (que foram excluídas desse dialogo para tornar a compreensão do próprio mais simples) assistíamos a repórteres do jornal perguntarem a pessoas normais quais eram suas metas para 2015. Não demorou muito para que eu soltasse:
"Ah lá vem de novo, as tais metas de ano novo que nunca se concluem"
"Ah, eu acho bonitinho", respondeu minha mãe.
"Pode até ser, mas ano após ano todo mundo faz sempre as mesmas promessas que acabam sem serem cumpridas"
"É, na maioria das vezes sim, mas você não acha que é um momento mágico?"
"Mágico? Como assim?"
"Esse comecinho de ano, com pessoas de todo o mundo transpirando energias positivas e bons pensamentos, não acho de todo besteira"
"É... pode ser... Mas pra que se dar ao trabalho de fazer todas essas metas se no máximo uma delas vai se tornar realidade?"
"Os humanos precisam de datas, precisam de marcos, precisam daquela "segunda-feira da dieta" pra dar razão à vida"
E não é que ela tava certa? Mesmo que vários planos desçam por água a baixo ou sejam procrastinados para o ano seguinte, é bom o sentimento de ter algo bom à nossa frente, esperando por nós. Da aquele boost, aquele ânimo extra que ajuda a começar o ano com o pé direito. Além do mais, esse negocio de "energia positiva" também é uma baita verdade. Com esse tanto de esperança rodando o mundo, imagina a quantidade de coisas boas que estão sendo construídas para esses próximos meses! Bom, depois de umas férias dessas, com direito a muita praia, sol e água salgada, eu estou mais que pronta para aproveitar essa animação toda, voltar a ativa e tocar os projetos e planejamentos com toda a felicidade que esse verão (e esse ano!) tem pra dar. Vamos ser menos céticos, vamos ser mais felizes!